Just another free Blogger theme

Tecnologia do Blogger.

Feed

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner


Videos

Loading...

Seguidores

Blog Archive

Postagens populares

26 junho 2013

Probabilidade
1- Introdução
Considere os seguintes problemas:
Fazendo a aposta mínima na Mega Sena, qual é a chance de acertar as seis dezenas?
Lançando dois dados simultaneamente, qual é a probabilidade de saírem números iguais?
Passaremos a estudar a teoria das probabilidades, que nos ajudará a resolver problemas como esses e muitos outros.
2- Experimento Aleatório
Quando lançamos um dado, não é possível saber que resultado irá ocorrer: esse experimento pode apresentar 6 possibilidades distintas.
Experimento como esse recebe o nome de experimentos aleatórios, pois, repetidos em condições idênticas, apresentam diferentes resultados. Tal variabilidade deve-se ao acaso.
3- Espaço amostral
Consideremos um experimento aleatório. O conjunto de todos os possíveis resultados desse experimento é chamado espaço amostral e é indicado por Ω (letra grega que se lê “ômega”).
Indicaremos o número de elementos de um espaço amostral por n(Ω).
Exemplo: Ao lançarmos um dado perfeito, a face voltada para cima pode mostrar um número qualquer de 1 a 6. Assim:
Ω = {1, 2, 3, 4, 5, 6}; n(Ω) = 6
4- Evento
Qualquer subconjunto do espaço amostral é chamado de evento. Podemos denominá-lo de E. Sendo assim, ao lançarmos um dado, a chance de sair um número par é o evento E = {2, 4, 6}
Observações: 1) quando E = Ω, o evento é dito evento certo.
2) quando E = Ø, o evento recebe o nome de evento impossível.

5- Evento Complementar
Consideremos um evento E relativo a um espaço amostral Ω. Chamamos evento complementar de E – indicado por $E^C$ – ao evento que ocorre quando E não ocorre. Observe o diagrama:
Exemplo:

Exemplo: Uma urna contem 10 bolas numeradas de 1 a 10. Retira-se, ao acaso, uma bola dessa urna. Se E é o evento “ocorre múltiplo de 3”, vamos determinar  $E^C$ :
Ω = {1, 2, 3, 4,..., 10} e E = {3, 6, 9}
Assim, EC = {1, 2, 4, 5, 7, 8, 10} e representa o evento “não ocorre múltiplo de 3”.
Notemos que E $E^C$  = Ω.

Exercícios (experimento, espaço e evento)

1) No lançamento de um dado, defina o espaço amostral e os eventos A: ocorrência de número par; B: ocorrência de um número menor do que 4; C: ocorrência de múltiplo de 3; D: ocorrência de um número menor do que 1; E: ocorrência de um número maior do que zero e menor do que 7.
2) No lançamento simultâneo de duas moedas distinguíveis, defina o espaço amostral e os eventos A: ocorrência de exatamente uma cara; B: ocorrência de coroa em ambas; C: ocorrência de pelo menos uma cara.
3) Uma urna contém uma bola vermelha e três azuis. Defina o espaço amostral do experimento “retirar uma bola ao acaso” e os eventos A: retirar bola vermelha; B: retirar bola azul.
Reações:


Olá Pessoal pessoal se você gostou da postagem me mande um email para sugestão ou perguntas fmbacelar@gmail.com

0 comentários:

Postar um comentário

Segue alguns símbolos, caso necessitem utilizá-los:
____________________________________________


α β γ δ ∆ λ μ Ω ο ρ φ χ ψ ξ ε η θ π ∂ ∑ ∏ ℮ אօ ∞ ℝ ℕ ℚ ℤ Ø f◦g
½ ¼ ¾ ½ ⅓ ⅔ ⅛ ⅜ ⅝ ⅞ ² ³ ¹ º ª ₁ ₂ ₃ ₄ ≈ ≠ ≡ ∀ ∃ ⇒ ⇔ → ↔
∈∋∧ ∨ ⊂ ⊃ ∩ ∪ − + × ± ∓ ÷ √ ∛ ∜ ⊿∟ ∠→ ↑ ↓ ↕ ← ≤ ≥
outros
√ ∇ ∂ ∑ ∏ ∫ ≠ ≤ ≥ ∼ ≈ ≅ ≡ ∝ ⇒ ⇔ ∈ ∉ ⊂ ⊃ ⊆ ⊇ \ ∩ ∪ ∧ ∨ ∀ ∃ ℜ ℑ

Postagens Relacionadas