Just another free Blogger theme

Tecnologia do Blogger.

Feed

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner


Videos

Loading...

Seguidores

Blog Archive

Postagens populares

03 março 2014





 Um químico está no laboratório e possui disponível duas soluções de $HNO_3$(aq).
Solução A: concentração igual a 63% m/m e d = 1.3g/mL.
Solução B: concentração igual a 0,5mol/L e 3% em massa.

a) Calcule a concentração da solução A, em mol/L. (dado: $HNO_3$ = 63g/mol)

Cálculo da concentração em mol/L da solução A ($M_A$)
$M_A$= %m/m x d x10 /$ Mm_A$, onde $Mm_A$ é a massa molar do composto ( $HNO_3$)
$M_A$= 63% m/m x 1.3g/mL x 10 / 63 g/mol
$M_A$= 13 mol/L


b) Calcule a densidade da solução B, em g/mL.

Cálculo da densidade da solução B ($d_B$)
$M_B$= %m/m x d x10 / $Mm_B$, onde $Mm_B$ é a massa molar do composto ( $HNO_3$)
0,5 mol/L= 3% m/m x $d_B$ x 10 / 63 g/mol
$d_B$= 1,05 g/mL

c) Qual a massa de $HNO_3$ , com 80% de pureza, necessária para preparar 200mL da solução A?

Cálculo da massa de $HNO_3$, com 80% de pureza (m)
Como temos: 13 mols de $HNO_3$/1000 mL de solução
13 x 63 g de $HNO_3$_______1000 mL de solução
m x 0,8 g de $HNO_3$ ______ 200 mL de solução

m = 204,75 g de $HNO_3$










Reações:


Olá Pessoal pessoal se você gostou da postagem me mande um email para sugestão ou perguntas fmbacelar@gmail.com

0 comentários:

Postar um comentário

Segue alguns símbolos, caso necessitem utilizá-los:
____________________________________________


α β γ δ ∆ λ μ Ω ο ρ φ χ ψ ξ ε η θ π ∂ ∑ ∏ ℮ אօ ∞ ℝ ℕ ℚ ℤ Ø f◦g
½ ¼ ¾ ½ ⅓ ⅔ ⅛ ⅜ ⅝ ⅞ ² ³ ¹ º ª ₁ ₂ ₃ ₄ ≈ ≠ ≡ ∀ ∃ ⇒ ⇔ → ↔
∈∋∧ ∨ ⊂ ⊃ ∩ ∪ − + × ± ∓ ÷ √ ∛ ∜ ⊿∟ ∠→ ↑ ↓ ↕ ← ≤ ≥
outros
√ ∇ ∂ ∑ ∏ ∫ ≠ ≤ ≥ ∼ ≈ ≅ ≡ ∝ ⇒ ⇔ ∈ ∉ ⊂ ⊃ ⊆ ⊇ \ ∩ ∪ ∧ ∨ ∀ ∃ ℜ ℑ

Postagens Relacionadas